Voto.

Voto

Votar para mim significa essencialmente apostar num país mais justo e democrático para todos.

A qualidade de vida coletiva é prejudicada cada vez que um indivíduo não exerce todo seu potencial transgressivo. A vida poderia ser melhor, produzir maior satisfação, mas os indivdíduos se abstêm de seus direitos e com isso afetam o direito de todos.

Conta-se que um homem rico veio certa vez ao maguid de Koznitz.

“O que você costuma comer?”, perguntou o maguid.

“Sou bastante modesto em minhas demandas”, disse o homem rico. “Pão, sal e água é tudo de que necessito.”

“O que você pensa que está fazendo?”, o rabino reagiu em reprovação. “Deve comer carne e beber vinho como uma pessoa rica.”

Mais tarde, seus discípulos questionaram a reação do mestre, e este explicou: “Até que ele coma carne e beba vinho, não vai compreender que o homem pobre precisa de pão. Enquanto ele se alimentar de pão, vai achar que o pobre pode alimentar-se de pedras.”

Aquele que não faz uso de todo o potencial de sua vida, de alguma maneira diminui o potencial de todos os demais. Se fôssemos todos mais corajosos e temêssemos menos a possibilidade de sermos perversos, este seria um mundo de menos interdições desnecessárias e de melhor qualidade.

A Alma Imoral, de Nilton Bonder, págs. 81-82.

Publicado por

Bia Cardoso

Uma feminista lambateira tropical.