Cartas de amor.

# Hoje é dia de “Blogagem Inédita”!

Desde que amei pela primeira vez no playground da vida, escrevo cartas de amor e acho que todos deveriam fazer o mesmo, porque todas as cartas de amor são ridículas e deveriam ser ridiculamente suas. Porém, há várias pessoas que chegam ao Groselha News buscando por “cartas de amor” meio daquele jeito “i didn’t know I was looking for love until I found you…”. Então, é para esses queridos e queridas, tatus e quatis, que escrevi uma pequena compilação de bilhetes enfeitados com balões em forma de coração, pois para serem cartas precisam ser enviadas. Divirtam-se e amem!

# “carta de amor mas não muito forte”. Outro dia, estava comendo biscoito doce e não sei por que, comecei a pensar em como é que se ama. Como é que se ama tal pessoa sem estar perto dela? Ela existe, está lá no trabalho, na faculdade, comendo pastel ou às vezes a mais de mil quilômetros e você sabe que a ama. Não é mesmo fácil de entender e não haviam muitos biscoitos no pacote, mas talvez acreditar que se ama seja como acreditar em alguma religião. Você não vê, mas sabe que está ali, fazendo parte de você todos os dias. E me dei conta que biscoitos com gotas de chocolate são meus favoritos, pois me lembram o sabor doce de seus lábios. Talvez com alguma pressa eu chame isso de amor, mas a verdade é que já o recebi com tal nome preso na etiqueta e não quis pensar se haveria palavra melhor para definir isso. Vamos ao cinema hoje?

# “carta para namorado que talvez vá embora”. Não vou implorar para você ficar. Você precisa fazer suas próprias escolhas, decidir sem que eu tenha que convencê-lo. Mas sim, acredito em milagres. Pequenas coisas completamente surpreendentes que podem acontecer num estalo de dedos, foi assim, um dia em que meu cabelo acordou ótimo, foi assim quando você pediu uma fanta uva para matar a sede. Mas não é apenas uma questão de crença, é uma vontade de que a vida seja mais do que a pura e branca realidade que aspiro todos os dias até secar minhas narinas. É a vontade que tenho de viver muito mais com você, o desejo de que fiquemos juntos porque queremos e não simplesmente porque estava escrito nas estrelas. O céu e todas as coordenadas nos guiam aos lugares conhecidos e é por isso que se você for meu coração irá junto. Pois somos feitos de estrelas.

# “carta para 1 mês de namoro”. Talvez você esperasse um presentão, mas é através das palavras, entre as palavras, que se vê e que se ouve, que é possível dizer o que sinto nesse momento. E quero dizer tudo. Falar sobre o que vejo em você. Descrever seus gestos e pensar em nós. Repetir nossos diálogos nesses trinta dias. Bom saber que o nosso amor é algo que você sempre quis, que temos um curta-metragem onde os giros de câmera se encaixam nos cenários, nos personagens e na vida que temos. Quando me perguntam por que eu resolvi que era você, a resposta é simples: “Ele disse que me amava”. E, também, porque ir atrás do amor sempre me pareceu a coisa mais certa a fazer. Feliz Dia do Nosso 1 Mês de Namoro!

# “carta para 1 ano de namoro”. Esta carta deveria ter sido escrita na língua estrangeira que críamos, com os sons e silêncios que ecoam no espaço entre nossos beijos. Todos os beijos que não me canso de te dar. Ninguém mais entende a maneira que cantamos juntos ou a forma como me encaixo gentilmente ao seu corpo quando dançamos, nossa valsa particular numa caixinha de música. Quanto mais alto você me levar, quanto mais você me amar… e todas as vezes que você me beijar eu saberei o que realmente significa tudo isso. Ainda não joguei fora o calendário de 2007, ele é praticamente um documentário numérico do que construímos nessa passagem de tempo e estas letras vêm lhe dizer que estou pronta para muito mais. Não é possível ficar satisfeita, por isso sei que é realmente amor. Enquanto tomava café e procurava no dicionário vocábulos para definir nosso amor descobri que somos uma palavra, unidade da língua escrita situada entre dois espaços em branco, ou entre espaço em branco e sinal de pontuação. Não é para significar nada. É para escrevermos todos os significados.

# “carta de amor para ex namorado”. Outro dia sonhei que o abracei. E relembrei vários momentos nossos. Alguns dizem que é fácil quebrar esse elo que nos une, muito simples até, basta querer. Deveria haver algo que explicasse o por que de coisas parecidas não serem iguais, ou até mesmo uma ferramenta que possa explicar a colagem dos dispositivos que me fazem funcionar desse modo quando estou perto de você. Alguns vão dizer que me deixei capturar por eles. Cocô-de-touro para o que eles dizem, porque gosto mesmo de você. Não quero que você olhe para mim e fique pensando o quê de você sou eu. O que em mim ainda vive de você também não importa. O que há em mim existe porque sobreviveu, sangra e pulsa. Assumo as razões que nos empurraram a mudar tudo, a transformar os pólos do mundo em obstáculos intangíveis. Eu gostaria que esquecêssemos tudo. Então poderíamos ser otimistas. Fechamos portas, talvez seja a hora de escancará-las, assim podemos falar sobre dor e alegria. Por alguns segundos. E pelo tempo que podemos ficar juntos. Espero que entenda que não poderei estar com você o tempo todo e que talvez eu, ou você, ou o momento falhe novamente. Tenho o direito de estar errada, assim como você tem o direito de dizer não, mas me diga sinceramente, por que foi mesmo que terminamos?

# “carta de amor pra namorado online”. Não o amo só porque um dia você escreveu “amor” no msn. Mas também pelos e-mails, arquivos, pen drives, fotos, .mp3 e até os .pps, por tudo de bom que temos, por essa história de poucos dias juntos e de muitas distâncias, uma história curta, mas que faz tão bem. Parece impossível, mas prometo voar mais alto, tentar encostar no sol, desejar conhecer o inexplicável que existe por trás do que se vê. Pois não sei quanto tempo ainda tenho. Não entendo quando as pessoas dizem que perco tempo namorando pela internet. O tempo nunca foi algo meu, apenas minhas asas, que crescem na medida do meu desejo. Nosso roteiro não está escrito, mas as imagens se revelam pouco a pouco. Tudo depende, no final das contas, de nossa aptidão a abandonar o papel de espectadores passivos para tornarmo-nos videntes dessa história. Então, meu amado, não tenha medo de voar, não tenha medo de correr. Se em algum momento você perder sua fé, posso lhe dar a minha, pois caminhamos na mesma linha.

# “carta para amor de 15 anos atrás”. Estive pensando em lhe contar um segredo. O problema é que meus segredos são apenas coisas que não conto. Você seria capaz de acreditar que o carro dos meus sonhos é um uno mile fire de duas portas? Você seria capaz de entender que sou apaixonada por você? Que estive, estou e sempre estarei? Você dizia que não há nada mais hardcore do que se apaixonar, do que se entregar para outra pessoa. E me fez gritar fuck para o resto do mundo e decidir amar só uma pessoa. E agora, por que voltar agora? Pensei em não te ver, em esquecer tudo, mas também achei que eu merecia e que você gostaria. A verdade é que eu quero ficar com você. E jamais ligaria se não fosse para isso, não somos mais amigos, temos nosso passado e nossos pequenos carinhos, gosto quando você utiliza parênteses dentro de parênteses, gosto de lembrar dos seus bocejos, do jeito que me mandava beijos e todas essas coisas. Te conheci há 15 anos e hoje sei que foi preciso todo esse tempo para estar pronta. Não preciso mais de motivos, preciso apenas de você.

# “carta tenho dois amores”. Sonhei com algo diferente para nós. Queria começar dizendo o quanto você me faz sorrir, mesmo nos dias de chuva, quando me lambuzo de goiabada ou quando você lembra das coisas que fez de errado nessa vida. Se não sabemos mais sonhar com a vida como deveria ser, podemos abraçá-la como ela é. E sei que você também não sonhou com isso, é de se estranhar que pudesse haver outra, mas há. Você está certo nas desconfianças, sempre fui daquele tipo que consegue enxergar a beleza no meio do caos, que se apaixona em três segundos para, em seguida, se apaixonar de novo e simultaneamente por outra pessoa, no mesmo dia. Meu desejo é incerto, mas no momento é com vocês dois que quero compartilhar tudo. Eu te amo e por isso não consigo viver uma vida dupla, não quero pedir que fique, quero sim perguntar: você quer provar o inusitado?

# “carta para um amor de verão”. Quando sair não esqueça de entregar a chave. Há dias tolos, manhãs quentes em que os jornais noticiam apenas manchetes internacionais. Tardes sem fome onde os filmes em cartaz não atraem o olhar. Noites insones sem livros, apenas jornais para bisbilhotar. Não chega a ser perda de tempo viver assim. Talvez seja essa felicidade clandestina que não lhe deixa ver que saquei da sua conta três dias tolos. Não os devolverei apenas pelo prazer de receber sem dar nada em troca. Ao que tudo indica você gosta, mas não espera mais que isso de mim. Essa contradição que nos faz tropeçar no próprio pé. Daqui a um tempo é provável que eu ainda lembre de algumas coisas, talvez do filme que não vimos ou da capital da Birmânia, a palavra incompleta da cruzadinha. Não poderia ser mais que isso. Uma vida de dias tolos não nos faria ser quem somos.

Related posts

33 thoughts on “Cartas de amor.

  1. Confesso que cheguei pelo EXATO motivo que você citou, mas com uma idéia diferente. Eu postei sobre cartas de amor hoje e achei curioso o mesmo tema aqui, uma abordagem completamente diferente de um mesmo fato. :)

    Srta. Bia responde:
    Realmente diferente, afinal você é um profissional do ramo! ;)

  2. Srta. Bia!
    Que cartinhas mais lindinhas! Eu tô emocionada demais (rs) pra fazer qq tipo de comentário q preste… (como se eu fizesse, mesmo q só as vezes…rs)
    Mais olha, já deixo, de antemão, registrada aqui a minha preferência pela “carta para 1 ano de namoro”… ai, ai…

    Beijos!

    Srta. Bia responde:
    Ai Cherry, juro que achava que ninguém teria coragem de ler um post desse tamanho, a idéia era de que as pessoas sorteassem uma cartinha para ler…rs. E sim, a de 1 ano é mesmo uma das preferidas, beijos!

  3. eu ja escrevi tantas cartas de amor… é bom demais né ^^
    e qdo a gente acha aquele recadinho escondido no meio das nossas coisas…

    a de 1 ano é lindaaaa
    *copia e guarda pra usar um dia* ehehehehehe

    Srta. Bia responde:
    Ah adoro escrevê-las! Segredinho, ok? A grande maioria já existia, foram escritas por mim durante anos. A de 1 ano não foi enviada, seria, mas tudo acabou antes. Acontece.

  4. Eu ri um pouco com essa do namorado virtual. É mais ou menos como penso sobre esse tipo de amor tão distante. E sabe? vou ser sincero: nunca escrevi cartas de amor, não sei porquê.
    Ah, sim… a falta de links desta vez foi proposital?

    Srta. Bia responde:
    Namoro virtual é mesmo algo complicado, principalmente se as pessoas não estão muito dispostas a transforma-lo em algo real. E os links não estiveram pipocando porque a regra era que só poderia ser linkado material produzido por mim e aí que esqueci de pegar a máquina fotográfica do papai emprestada ;)

  5. Olá1 Boa noite!
    As cartas são otimas, mas a que eu queria e aquela que agente escreve para uma pessoa
    guando queremos conquistala. Eu vou criar uma blog para mim, vou passar aqui para deixar o endereço.
    Obrigado pela atenção!!

    Srta. Bia responde:
    E a primeira não serviu? Deixe o e-mail da próxima vez que podemos tentar ajudá-lo, ok?

  6. About love…
    Srta Bia qrida, como estás?
    Ontem, depois de ler seu post gigante sobre amor, ex- amores e possíveis amores, fiquei pensando sobre o assunto. Sai do trampo, ainda refletindo sobre, e imaginando todas as coisas idiotas que já me aconteceram em relação a isso, mas me dei conta que nunca fui uma ser apaixonada ‘imbeciloide’, nunca estive no estado quase retardado que o amor faz com pessoas.
    Então pra ñ me entristecer e começar a sentir saudade do que NUNCA tive decidi parar de pensar sobre. Qdo entrou um casal horroroso e mal vestido dentro do ônibus, eles representavam, com perfeição, o estado mais ‘imbeciloide’ do amor, estavam na fase “desliga você”, aquela dos três meses, que os sujeitos fazem vozes irritantes, conversam como se tivessem três anos e se beijam a cada 5 segundos.
    A menina indagava o sujeito sobre a sua gordura corporal, que estava espalhada de forma desforme pelo corpo inteiro, claro como toda mulher buscava um elogio, dizia: “sujeito, eu tô gorda?” e ele respondia: “não”. “sujeito meu peito é pequeno?” ele: “não, ta ótimo, mas se vc qser pode colocar silicone!”. Ela, falava com voz fofa: “se eu ficar gorda, igual a elaine, vc ainda vai gostar de mim?”, ele com voz de GALÃ de novela mexicana respondeu: “você tá ótima!”, lembrando que a menina era horripilante, “ñ sei pq tem medo disso?!?!?”…. e continuaram todo o blá blá blá, o caminho inteiro.
    Minha conclusão é que o amor é brega! Sai do ônibus feliz por ñ estar nessa vibe mela cueca de cançonites do Rei Roberto…
    Sei que a solidão ñ é uma festa, tbm tem os domingos tristes e solitários, mas esses são salvos com uma barra de chocolate e a vontade de escrever cartinhas ABOUT LOVE, tbm existe, mas gosto de ser simplesmente uma “trouble girl” com crises existenciais eternas e solteira.
    Besos bonita e feliz páscoa!

    Srta. Bia responde:
    Jésika querida, já falei que você precisa ter um blog urgentemente, né? Esse comentário é uma das coisas mais gostosas que já li e não tenho nem como comentar algo sobre ele aqui, pois ele me trouxe tantas idéias, principalmente a parte da “trouble girl”…rs. Aguarde, então, voltarei a ele. Obrigada pelo carinho, beijos.

  7. bah hehehehe
    não gosto de cartas de amor.
    só recadinhos. :P :)
    besos

    Srta. Bia responde:
    A idéia inicial é de que fossem só recadinhos, mas aí a coisa foi se expandindo… tsc tsc tsc…

  8. Feliz Páscoa! Mais uma data para exaltarmos a amizade, abrir sorrisos e dar graças pela existência da amiga tão próxima e tão desatante, para quem, se tivesse juízo perfeito e insano escreveria uma carta de amor a cada dia.
    Beijo

    Srta. Bia responde:
    Sr. Dácio, quanto tempo, não? A cada dia não precisa, mas uma cartinha ali outra acolá são sempre bem vindas ;)

  9. Adorei as cartas…Mas, perguntinha amarga: vc tem uma carta pra quem não tem amor? :-(

    Srta. Bia responde:
    Taí, Anderson, vou pensar seriamente no seu caso. Gostei do tema.

  10. A pra 2 é a única possível por ser sincera, o resto é tudo invenção de mentes perturbadas por corações aceleradamente mentirosos. E sim, não precisa concordar!

    Srta. Bia responde:
    É claro que não vou concordar…rs. Você sabe que existe, Mar. Você mesmo já escreveu. São sinceras no momento em que são escritas, depois é muito tempo, até mesmo para o amor saber o que vai acontecer. Beijos, querido.

  11. oi eu queri ade 3 meses de namoro

    Srta. Bia responde:
    É só adptar a de um mês para três meses mudando o tempo ;-)

  12. gostei muito das cartas elas sao realmente muito verdadeiras

    Srta. Bia responde:
    Oi Antonia,

    fico feliz que tenha gostado das cartas. Muitas pessoas chegavam ao blog procurando por cartas de amor, e mesmo achando que todos deveriam atrever-se a escrevê-las, resolvi publicar algumas minhas para que as pessoas se encorajassem, retirassem algumas idéias. Porque o importante mesmo é continuar acreditando no amor e amando.

    obrigada, abraços.

  13. olá, gostaria de uma carta q não fosse muito “melosa”, porém demonstrasse o amor que sinto,estou ficando tem tres meses não namoro ainda pq ela não quer pois acabou de largar um antigo relacionamento….

  14. oi precizo escrever uma carta para uma pessoa que eu amo muito faz um més que estamos juntos…vc pode me ajudar por favor…bj.te espero

  15. Para você .
    Amor,não sei se sou digna do seu amor,merecedora do seu carinho,mas sou grata pelo seu abrigo .Amor,uma vez você me disse que a gente iria ficar juntos para sempre,mas esse para sempre acabou e a apartir desse dia eu não acreditei mais em finais felizes.Porque um amor tão lindo tem que acabar assim ? Por que as frases ditas,os gestos surpreendentes,os segredos jamais escondidos,as juras de amor,por que tudo isso foi em vão ?Por que o amor acabou ? Por que os obstáculos superaram o amor?Por quê ?Me dê um motivo,um porquê,uma explicação,me de a razão de sofrer injustamente,me dê a razão de ver a pessoa que você amou descontente,você nunca se pôs no lugar dela ?.
    Se você quiser eu esqueço o passado e podemos viver um lindo presente,posso está tomando uma atitulde errada,mas é o meu coração que está falando mais alto,é o meu desejo que prevalece a cima de tudo,é você que eu quero,mesmo que tenha que incluir consequências,preconceitos e etc ;
    O mundo é grande eu sei,e nesse mundo existem pessoas que nos completam,que nos preenchem e quem me completou foi você,não sei se foi um sortudo ou um coitado,isso é você quem dirá,mas uma coisa eu te digo,você não vai sofrer,porque só o que sei fazer é te amar .
    Hoje,eu te agradeço pelos momentos bons,e até os momentos ruins,que foram poucos,eu agradeço também,porque foi neles que eu aprendi,a lutar,a vencer,a perder,a viver .
    Do jeito mais doce,você me amou,do jeito mais insensivel me fez sofrer,e do jeito mais corretoeu vou tentar te esquecer .
    A vida é uma só,as pessoas são únicas e o amor,á o amor,quando se está vivendo,pensas que é inacábavel,insubstituível,quando na verdade é só mais um na sua vida .
    Mesmo você não merecendo eu te amo muitoe não tenho vergonha disso,você plantou o sentimento ,agora eu estou regando,para que não morra jamais .

  16. amo carta de amor , eo estou sempre lendo tenho um cardeno de poemas de amor e de amizades de tdoas pq eo amo
    minha vida e meu namoradoo sempre fazo cartas p elee elee sempre amou poq sou uma garota xoxonadaa :)
    amoooooooooo fazer e vou sempree amaaa viveer apaixonadaa é fodaaa en mas eo amo um so e só eli q sempre estarrei fazeno cartas e amigaas mandee um bjus aii p gaelraa doo0 morro do makakoo
    biaa laurii tami e jeni e keeh e karinaa maninhaa zikaa
    e melhor amigo jeferson te amoo
    e namoradaooo ALk te amooooooooooooooooo

  17. Amoo fazer cartas de maor e amei leeer tdas esas cartas ei sempre ro aki qeroo mas e maas cartas de amor
    hog dia mas feliz fazeno 2 meses di namoroo com ALk
    te amooooooooooooooooooooooo
    s2 :)
    vivaa
    KaaRoooL S2 ALk
    +o(

  18. Eu amei todas
    mais olha so a minha
    Te amar é:
    Estou feliz por te amar, te amar é demais, te amar me queima por dentro, te amar é belo como as rosas, te amar é como sentir o toque da brisa em meu rosto.
    Te amar é belo como um arco-íris com suas cores,cada uma com seu significado,meu amor por você também tem vários significado:
    Te ver sempre sorrindo, te ver com saúde , te ver sempre feliz e estar sempre ao seu lado compartilhando todos os momentos de sua vida porque este amor nasceu no meu coração e jamais será arrancado, porque ele é puro e verdadeiro e sempre será eterno.
    Te amar é tudo

    Viu como é lindaaaa neh neeh lindissima
    mandei para meu namoradoo

  19. ameei toodas , mais acho qe vc deve escrever mais , falando inclusive daqeles siumes insuportaveis qe nos faz ter vontade de terminar ! beiijos

  20. quero que saiba que a 8 meses vivia sozinha sonhando com um amor pra mim afinal todas garotas de minha idade ja tinha um amor!
    hoje quando me detei para dormir fechei os olhos e pedi aos anjos que mandasse um anjo em forma de homem para que fosse meu primo amor…
    olha hoje tenho voce todo meigo lindo carinhoso
    e gentil.
    quero que essse 2mesese que estamos juntos quessa cara vez mais nos respeitamos e alimnetando de nossa aamor gentil
    teamo marcela quero ficar com voce pra sempre
    por que te amo

  21. Amo meu ex so que ele ta com outra , sinto tanta falta dele que voce me fez realmente colocar em cartas o que sinto por ele … to aqui agora escrevendo pra elee.. pode ser que nessas cartas ele veja que realmente o amo e volte comigo nao é msm?

  22. olha gostei das cartas ai
    eu amei de verdade, pis vcs deveriam colocar cartas de começo de namoro…bjs

  23. Adorei as cartinhas, são todas lindas e olha que nem cansei de ler. risos…

    Fiquei apaixonada por elas, vou escrever todas para colocar na minha agenda romântica…

    bjo.